quarta-feira, março 01, 2006

Dórdio Guimarães ou como atrás de uma grande mulher pode estar também um grande homem

O escritor Dórdio Guimarães viveu grande parte da sua vida (n. Porto, 10 de Março de 1938; m. Lisboa, 2 de Julho de 1997) sob a sombra da sua musa inspiradora, Natália Correia. Infelizmente, a sombra era grande, pois que o talento de Natália foi sempre imenso e multifacetado, e isso não lhe permitiu afirmar-se plenamente como autor de mérito. Dono de uma obra que abarca mais de quinze títulos, Dórdio Guimarães foi também realizador de cinema - à imagem de seu pai, Manuel Guimarães, autor de filmes como Saltimbancos (1951) e O Crime de Aldeia Velha (1964) - e, em 1969, colaborador a nível de textos do projecto musical Fluido, liderado pelo cantor Paulo de Carvalho. Foi no seio deste grupo que viu dois poemas de sua autoria serem musicados e revestidos de arranjos instrumentais ousados para a época e para o Portugal de então. A estética psicadélica dominava estas composições e a beleza singela das palavras de Dórdio projectava-se na eternidade - pena que, hoje em dia, tanto o livro como o disco A Idade dos Lilases se encontrem esgotados, impossibilitando assim que novos públicos se abeirem de duas obras-chave de um tempo que é também o nosso.

A Idade dos Lilases

Mulher
No tempo dos cabelos agitas a paz em amor
Todos os dias por ti

O universo se faz e tu não sabes não

Amanhã a mulher joga a vida num vale de lilases
Dele irrompe cheirosa a flor
Que é pródiga em lis e lases
E serei tudo o que de mais fértil o teu ventre der
Mulher

Na estrada à noite não pode haver desacordo
Eia tanta gente amiga são as árvores

Comments:
É bom saber que ainda existem pessoas que reconhecem o trabalho feito por um grande escritor.
Como pertenço à sua família teria muito gosto em te-lo conhecido,no entanto,resta-me apreciar as suas belas obras literárias!
 
E mesmo isso é complicado, uma vez que as obras do Dórdio Guimarães estão quase todas esgotadas...
Já agora, qual é a relação familiar?
 
É meu primo de 3º grau.
 
Enviar um comentário

Links to this post:

Criar uma hiperligação



<< Home

This page is powered by Blogger. Isn't yours?